Avatar do usuário
Por bwbw
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#118677
No ano de 1970, a taxa de fecundidade no Brasil foi de 5,8 filhos por mulher, totalmente dessemelhante do cenário atual, onde a média se dá em 2 filhos por mulher. Tal fato implica no quesito de envelhecimento populacional e as dificuldades atreladas a esse. Faz-se fundamental, pois, buscar a mudança de tal ideal via combate de suas principais causas: a diminuição da natalidade e a migração.
Em muitos países, as taxas de fecundidade têm diminuído significativamente nas últimas décadas. Isso significa que as famílias têm menos filhos, resultando em uma proporção maior de pessoas idosas em relação às mais jovens. Enfrenta-se portanto desafios consideráveis, como os cuidados com a saúde, uma vez que, o envelhecimento está diretamente associado ao aumento na demanda por cuidados com a saúde e consequentemente nos investimentos e adaptações dela.
Além disso, o fluxo migratório pode influenciar nos índices de idosos no país, sendo ele positivo ou negativo. Há países que recebem imigrantes jovens, ajudando no equilíbrio populacional, no entanto, em muitos países, o envelhecimento populacional é resultado de um declínio na taxa de migração ou de uma migração líquida negativa, onde há mais pessoas saindo do país do que entrando. Fatores como esse causam uma movimentação econômica, pois há menos força de trabalho e contribuição na previdência social.
Para tanto, é necessário que o Governo adapte os sistemas de previdência e seguridade social para garantir sua sustentabilidade. Isso pode envolver o aumento da idade de aposentadoria, o estabelecimento de políticas de contribuição mais equitativas e a criação de programas de previdência complementares. Entretanto, é fundamental promover um estilo de vida saudável e ativo entre os idosos, incentivando a participação em atividades físicas, culturais e sociais. Isso pode contribuir para a saúde física e mental, além de fortalecer o senso de comunidade e reduzir o isolamento social.
NOTA GERAL (USUÁRIOS)
Sem
nota
Pontuar redação
NOTA AUTOMÁTICA (IA)
Sem
nota
Seja apoiador!
Comentários
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da norma da língua escrita.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Texto não corrigido

No contexto atual do Brasil, muito se fala sobre c[…]

Desde a época da colonização e exploração das terr[…]

Intolerância religiosa

O artigo de número 5 da constituição garante a lib[…]

Dengue

A dengue vem aumentando casos gradualmente após ch[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Seu Cookie

O Corrija.com utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.