Avatar do usuário
Por jamillec
Quantidade de postagens
#124813
Em 1988, foi instituída a Constituição Federal, garantindo a proteção dos direitos fundamentais e promover a democracia e a garantia de um estilo de vida digno a todos os cidadãos. No entanto, o que se observa na realidade contemporânea é o oposto, tendo em vista que, evasão escolar ainda persiste na sociedade brasileira. Nesse sentido, destacam- se dois aspectos importantes: negligência governamental e Ineficiência legislativa.
Diante desse cenário, nota-se que a Negligência governamental é uma das razões pelo qual esse problema ainda persiste. Nessa lógica, Aristóteles diz em seu livro "Ética e Nicômaco" que a política existe para garantir a felicidade de seus cidadãos. Sendo assim, é fácil perceber que, em relação a evasão escolar essa disposição de Aristóteles não se consuma com a realidade brasileira uma vez que o poder público não cumpre o seu papel legislativo, fazendo que ocorra diversas lacunas no bem-estar social. Logo faz-se mister reformulação de tal postura estatal irresponsável e negligente.
Ademais, é evidente que Ineficiência legislativa é mais um dos fatores que agravam o impasse. Nessa perspectiva, o Artigo 1° da Declaração Universal dos Direitos Humanos afirma que todo ser humano nasce com liberdade e igualdade inerentes, tanto na sua dignidade como nos seus direitos. Dessa forma, é evidente que, em relação a evasão escolar essa norma não se aplica a realidade contemporânea brasileira. Logo, é intolerável que esse cenário permaneça.
Portanto, conclui-se que para a evasão escolar seja mitigado, é dever do Estado - garantir direitos fundamentais a todos os cidadãos. Nesse entanto , é dever do Governo Federal, órgão de maior poder administrativo, em conjunto com o Ministério da Educação, promover ações de integração e reintegração dos afastados nas instituições de educacionais. Nesse sentido, será possível converter o objetivo enlencado na sociedade brasileira.
NOTA GERAL (USUÁRIOS)
Sem
nota
Pontuar redação
NOTA AUTOMÁTICA (IA)
Sem
nota
Seja apoiador!
Comentários
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da norma da língua escrita.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Texto não corrigido

A ciência e a tecnologia têm desempenhado um papel[…]

Legalização da Maconha

Legalização da maconha, Ordem ou Aceitação ? O […]

A série de televisão, da emissora Netflix, “Ginny […]

Desde a invenção, em 1862, o plástico se tornou mu[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Seu Cookie

O Corrija.com utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.