Avatar do usuário
Por Ivel
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#108120
⠀⠀Na obra do escritor Machado de Assis, Memórias Póstumas de Brás Cubas, há um capítulo com o título "O menino é pai do homem", o qual narra algumas histórias da infância do protagonista, tendo ela influenciado toda sua vida adulta, como por fim, sua "vida" póstuma. Com isso em mente, cabe questionar de maneira objetiva o peso da infância na vida adulta.

⠀⠀O filósofo Jean-Jacques Russeau diz que as ações de um ser humano não passam de um reflexo do local onde ele vive; logo, é importante perceber que o meio no qual uma criança está inserida irá definir os seus modos, seus pensamentos, suas ações e decisões, sendo tudo isso dificílimo de se desvincular, pois está arraigado na personalidade do indivíduo. Um menino periférico; por exemplo, que desde sempre vê a violência no seu dia a dia mais dificilmente terá um diploma de nível superior, comparado a outro menino de família rica, pois suas influências os levam para caminhos diferentes.

⠀⠀Sob outra ótica, vê-se que traumas adquiridos quando criança, acompanharão toda a vida do sujeito. Abuso infantil, pais controladores, abuso sexual e família tóxica de modo geral; geram impactos imensuráveis na mente das vítimas que, por suas vezes, crescem reclusas e se tornam maiores de idade com diversos problemas psicológicos. Observa-se também, nas crianças criadas com diversos regalias - popularmente conhecidas por "mimadas" -, que, por terem crescido sob superproteção e podendo fazer o que querem, acabam por se tornar pessoas intituladas e com uma visão errada da sociedade.

⠀⠀Conclui-se, por fim, que a criação de uma criança tem um peso imensurável no adulto que ela venha a se tornar. Portanto, percebe-se que a infância é a base de tudo e que, por meio dela, obtém-se um adulto, podendo este ter um futuro brilhante graças ao empenho e a influência de sua juventude proveitosa, ou, seus esforços para tentar esquecer sua juventude tóxica e que o deixou com diversas sequelas que nunca o deixarão.
NOTA GERAL (USUÁRIOS)
Sem
nota
Pontuar redação
NOTA AUTOMÁTICA (IA)
Sem
nota
Seja apoiador!
Comentários
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da norma da língua escrita.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Texto não corrigido
Avatar do usuário
Por blackoutt
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#108122
Introdução boa e objetiva, porém poderia desenvolver ou pelos menos explicitar as teses que iria dissertar.

Segunda análise, ausencia de boa conexão no desenvolvimendo da introdução para o 1 primeiro parágrafo. Sendo o seu tópico frasal do primeiro parágrafo uma relação do local de infância e não do peso da infância na vida adulta... Lembre-se sempre de ressaltar e deixar explicito no tópico frasal o que ira argumentar, assim, tendo uma conexão coerente com a óbice.

Terceira análise, lembre-se sempre de concluir suas argumentações nos desenvolvimento e fazendo a retomada de tese, assim, tento mais espaço para demonstrar o domínio da língua.

Quarta análise, o conectivo "Sob essa ótica" utilizado no 3 parágrafo foi de uso erroneo, pois ótica se refere a acústica e relações com audição, sendo o termo certo óptica relacionado a visão.

Bom trabalho!
0
Avatar do usuário
Por blackoutt
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#108123
Na segunda análise, a relação coerente do tópico frasal com a argumentação da óbice, seria para não tangenciamento do tema.
0

Fala, galera! Encontrei o https://www.brazino-777.[…]

A ciência e a tecnologia têm desempenhado um papel[…]

Legalização da Maconha

Legalização da maconha, Ordem ou Aceitação ? O […]

A série de televisão, da emissora Netflix, “Ginny […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Seu Cookie

O Corrija.com utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.