Avatar do usuário
Por Katsmoking
Tempo de Registro Quantidade de postagens Amigos
#109057
MODELO DE CORREÇÃO:
a) Tema (0-20) -
b) Tipo de texto (0-20) -
c) Coerência (0-20) -
d) Coesão (0-20) -
e) Modalidade/conformidade com a norma padrão da Língua Portuguesa (0-20) -

Título: A dependência prática da segurança pública e privada

O filme de produção americana “The Batman”, de 2022, retrata, convincentemente, o despreparo da segurança pública da cidade fictícia em comparação ao do justiceiro, guiado por intenções próprias. À vista disso, assim como no filme americano, pode-se refletir acerca da aplicação e da responsabilidade presente na dualidade dos serviços de segurança públicos e privados. Dessa forma, analisar o questionamento acerca dos deveres do serviço de proteção e da sua aplicabilidade prática por parte do estado é válido.

Em primeira análise, é imprescindível salientar como o cumprimento com os direitos humanos é essencial ao tópico. Acerca disso, o relator especial da ONU, Christof Heynz, afirma, em meio à crescente popularidade dos meios privados de segurança como mercado, que os estados democráticos devem tomar precauções com o uso exacerbado de serviços particulares de seguridade, por parte da população, para não comprometer a proteção do direito à vida. Analogamente, o pontuado pelo relator condiz com a condição cultural brasileira, tendo em vista que o aumento da busca por um agente privado de proteção retira parte da incumbência do estado - responsável pelo cumprimento legal dos direitos humanos - sobre o cidadão, gerando a falta de atribuição moral com o serviço. Torna-se evidente, portanto, que o dever do estado com a segurança deve ser mantido.

Em segunda análise, é fundamental acentuar como a incúria governamental com a aplicabilidade da proteção ao cidadão é um fator relevante ao exposto. Nesse sentido, a banda “Legião Urbana” em sua música “Perfeição”, revela algumas das mazelas da sociedade, dentre elas a falta de vigilância policial em zonas necessitadas e a opressão de civis pela autoridade de agentes de segurança incapazes para o serviço. Por esse motivo, assim como formulado pela banda, a realidade brasileira é cinta pelo descuido do estado com a questão prática das funções fundamentais ao cidadão, as quais, minoritariamente, ficam a cargo do setor privativo de seguridade. Fica claro, portanto, que apesar de o serviço securitário público ser essencial para a preservação da democracia e do bem-estar social, falha na aplicabilidade de suas atividades.

Por fim, é indispensável discutir-se, em suma, acerca das responsabilidades da segurança pública e privada com a população. Para tanto, evidencia-se a necessidade da preservação do setor estatal de seguridade, apesar da falha na aplicabilidade de seus ofícios. Assim, as análises são proveitosas para a continuidade dos direitos humanos.
NOTA GERAL (USUÁRIOS)
Sem
nota
Pontuar redação
NOTA AUTOMÁTICA (IA)
Sem
nota
Seja apoiador!
Comentários
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da norma da língua escrita.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Texto não corrigido

No contexto atual do Brasil, muito se fala sobre c[…]

Desde a época da colonização e exploração das terr[…]

Intolerância religiosa

O artigo de número 5 da constituição garante a lib[…]

Dengue

A dengue vem aumentando casos gradualmente após ch[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Seu Cookie

O Corrija.com utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.