Avatar do usuário
Por Angel2022
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#120822
No que se refere a saúde mental nas escolas, podemos observar que os casos de crises de ansiedade, síndrome do pânico, depressão, entre outros transtornos mentais, aumentaram significativamente desde a pandemia de Corona vírus.
O isolamento, o medo do desconhecido, e as inúmeras notícias reportadas na televisão, fizeram com que não só os estudantes, mais também os professores, sofressem com os efeitos desastrosos dessa doença. O desconhecido deu espaço para falhas humanas, falhas que poderiam ser evitadas se não fosse nossa cobiça, a política falou mais alto que as milhares de vidas perdidas no processo até a criação de uma vacina. Enquanto a ciência nos orientava a ficarmos em casa, enquanto médicos, enfermeiros e anestesistas imploravam para que cumpríssemos o distanciamento social, diversos políticos, entre eles podemos lembrar de Paulo Guedes, na época, nosso ministro da economia e Jair Bolsonaro, Presidente da República, em exercício na ocasião, portanto, nossa maior figura de poder, tinham falas contrárias as das equipes de saúde e cientistas , orientação do Ministro Paulo Guedes e do nosso então Presidente, era para que a população continuasse trabalhando, pois a economia do país não poderia parar.
Os brasileiros se viram completamente perdidos em meio um mar de informações desencontradas, o que abriu espaços para questionamentos quanto a posição do Brasil em relação aos outros países, cujo os líderes concordavam nas decisões antes de as divulgar para a população e assim, evitaram o pânico que se instaurou em nossa nação. Mesmo após a vacina ser aprovada e chegar aos brasileiros, nosso agora, ex Presidente, Jair Bolsonaro, continuava orientando a população a não se vacinar, infelizmente o Brasil virou piada internacional e motivo de represálias por parte dos outros líderes mundiais, nossa nação, tão conhecida por seu futebol cheio de dribles e seu samba encantador, em meio uma crise internacional, ficou conhecido como e tão somente, um país a não se seguir, as diretrizes do Brasil foram um caos, ganhando as capas dos maiores jornais pelo mundo, como por exemplo, New York Times, cuja manchete dizia "O Presidente do Brasil é a favor do Corona vírus!" , pergunta essa que até os dias atuais, se encontra sem resposta para muitos cidadãos ofendidos pelas diversas falas debochadas daquele que deveria ser o maior líder dessa nação tão amada, mas tão abandonada em seu momento de dor, Brasil.
Em 2023, um novo Presidente foi eleito, o mesmo carregou os votos de milhões de pessoas, homens, mulheres, idosos ou jovens que com os votos, entregaram ao Luís Inácio Lula da Silva, as esperanças de alguma mudança. O mundo é composto por mudanças e agora nos resta observar os próximos capítulos desta história.
NOTA GERAL (USUÁRIOS)
Sem
nota
Pontuar redação
NOTA AUTOMÁTICA (IA)
Sem
nota
Seja apoiador!
Comentários
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da norma da língua escrita.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Texto não corrigido

No contexto atual do Brasil, muito se fala sobre c[…]

Desde a época da colonização e exploração das terr[…]

Intolerância religiosa

O artigo de número 5 da constituição garante a lib[…]

Dengue

A dengue vem aumentando casos gradualmente após ch[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Seu Cookie

O Corrija.com utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.